Existem diversos materiais para a escolha da caixa d’ água. Vamos à eles.

fibra-de-vidro

Fibra de Vidro

– Manutenção que exige trabalho..
– Flexibilidade: atende aos mais diferentes tipos de projeto
– Resistência: proteção ultra-violeta, resistente à exposição ao sol e ao calor, aumentando a sua vida útil.

polietileno

Polietileno

– A superfície interna lisa protege do acúmulo de sujeira nas laterais, ainda assim as impurezas contidas na água ficam aderidas a parede, sendo necessária uma escovação que exige certa habilidade, para uma limpeza adequada.
– Encaixa perfeitamente a tampa no corpo do reservatório, fechando-a de maneira ideal.
– Pode ser transportada com certa facilidade
– Algumas possuem tampa rosqueável: com 1/4 de volta, já está totalmente vedada.
– Conta com tratamento UV, solução que impede a deformação da estrutura diante de calor excessivo.

aco-inox

Aço-Inox (Metálica)

– O material metálico agiliza a limpeza, embora a abertura pequena complique o processo.
– Além de muito resistente, oferece água fresca por mais tempo, pois a condutividade de calor é pequena.
– Com traços simples e acabamento prateado, ganha pontos no quesito estético.

fibrocimento

Fibrocimento

– As caixas de fibrocimento são constituídas basicamente por cimento e fibras de amianto. São fabricadas para atender a armazenamento de volumes de água potável que vão de 250 a 1000 litros.
– O peso destas caixas é um fator limitante.
– Difícil transporte até o local de instalação
– A fibra do amianto pode causar problemas aos seres humanos, ao ser aspirada ou ingerida.